Rede Feminista de Saúde lança Dossiê : Democracia, Saúde das Mulheres, Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos

Em 2021 a Rede Feminista de Saúde comemora 30 anos de história e luta pela saúde e pelos direitos das mulheres, com ênfase para os direitos sexuais e os direitos reprodutivos no Brasil e na América Latina. O Dossiê  30 anos da RFS: Democracia, Saúde das Mulheres, Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos  emerge da insurgência de articular e fomentar reflexões, diálogos e ações a respeito dos fatores que são determinantes para a saúde das meninas, mulheres e pessoas com útero, como, a violência de gênero, a mortalidade materna, a violência obstétrica e a desumanização do parto, a criminalização do aborto, os impactos do racismo na saúde das mulheres negras e da sorofobia na saúde das mulheres vivendo com HIV/aids. 

O Estado patriarcal, colonialista, machista, racista e capitalista exerce a dominação biopolítica sobre os nossos corpos. Nesse sentido, os direitos e a saúde das mulheres estão em constantes disputas de poder e transformação, entre conquistas e progressos, desafios e retrocessos. Sendo assim, o dossiê em homenagem aos 30 anos da Rede Feminista de Saúde é um chamado para todas as pessoas que tem como o horizonte a erradicação das violências, desigualdades, descriminações e violações dos direitos das mulheres.

Esperamos que esta publicação contribua com a luta pela saúde pública, universal e integral para todas as mulheres por uma perspectiva feminista e interssecional de gênero, raça e classe. 

Agradecemos e dedicamos este livro a todas as mulheres que fazem ou fizeram parte da Rede Feminista de Saúde ao longo desses 30 anos de história e de atuação pela saúde das mulheres, direitos sexuais e direitos reprodutivos. Também às pesquisadoras e autoras convidadas, pela disponibilidade, comprometimento e valorosa contribuição com a produção de conhecimento a respeito da saúde e dos direitos das mulheres. Às companheiras dos movimentos feministas e de mulheres pela incansável luta em defesa dos direitos humanos das meninas, mulheres e pessoas com útero no Brasil, América Latina e Caribe. Por fim, a todas as mulheres que ousam sonhar e lutar pelo direito de decidir sobre o corpo, com acesso à educação, promoção e prevenção da saúde, sem correr o risco de ser discriminada, presa ou morta, em respeito à autonomia, emancipação e liberdade humana.

O Dossiê foi desenvolvido com apoio do Fundo de População das Nações Unidas – UNFPA, a partir do Edital Nas Trilhas do Cairo, sob coordenação da Associação Casa da Mulher Catarina.

Acesse o Dossiê completo aqui.

 

2 comentários em “Rede Feminista de Saúde lança Dossiê : Democracia, Saúde das Mulheres, Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.